Em Destaque

ANCED levanta número de homicídios em unidades de internação


Capa do Relatório Final da Pesquisa da ANCEDVinte e três adolescentes foram vítimas de homicídio em unidades de internação de oito Estados brasileiros, no período de janeiro de 2007 a janeiro de 2010, revela pesquisa divulgada semana passada pela Associação Nacional dos Centros de Defesa da Criança e do Adolescente (ANCED).

Tráfico, exploração doméstica e sexual


Indígenas vítimas de exploração doméstica e sexual e de tráfico humano em Roraima. "Nós, representantes da Pastoral Indigenista e da Sociedade Civil Organizada de Roraima, do Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes e da Comissão Internacional de Encontros de Fronteiras das Igrejas Católicas de Brasil, Venezuela e Guiana Inglesa, defendemos a vida e somos contra todo tipo de violência e escravidão.

Aborto - Guia para Profissionais de Comunicação


A publicação é uma iniciativa das Jornadas Brasileiras pelo Direito ao Aborto Legal e Seguro e tem o objetivo de servir como fonte de informações para o trabalho de jornalistas ao tratarem do tema do aborto, além de indicar fontes especializadas, de forma a colaborar com reportagens sobre o assunto. O Guia traz textos sobre aspectos legais, o histórico das normas e políticas relativas ao aborto no Brasil, dados estatísticos sobre a prática do aborto e as consequências do aborto inseguro no Brasil e em diversos outros países, argumentos em favor do direito ao aborto, além de uma série de perguntas frequentes, para tirar as dúvidas mais recorrentes sobre o tema.

Mulheres da Via Campesina contra o abuso dos agrotóxicos


Em todo o Brasil, as camponesas, em conjunto com outros movimentos urbanos, mulheres da Via Campesina denunciaram nas últimas semanas  que o Brasil é o maior consumidor de agrotóxicos do mundo, inclusive de agentes contaminantes totalmente nocivos a saúde humana, animal e vegetal que já foram proibidos em outros países.

As ações alertaram sobre os efeitos nocivos para a saúde e meio ambiente da utilização anual de mais de um bilhão de litros de venenos, de acordo com dados do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para a Defesa Agrícola. O Brasil ocupa o primeiro lugar na lista de países consumidores de agrotóxicos desde 2009.

UNICEF: investimento na adolescência para romper os ciclos da pobreza e da iniquidade


Investir na proteção e no desenvolvimento da população mundial de 1,2 bilhão de adolescentes pode romper ciclos de pobreza e iniquidade, segundo o relatório global do UNICEF Situação Mundial da Infância 2011 – Adolescência: Uma fase de oportunidades. O relatório inova nesta edição ao abordar a adolescência como um período de oportunidades, invertendo a lógica que costuma reduzi-la a uma fase de riscos e vulnerabilidades.

Cientistas criticam argumento de produtividade para alterar o Código Florestal


floresta devastadaCientistas da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e da Associação Brasileira de Ciência (ABC) sustentaram que as alterações do Código Florestal previstas no substitutivo do deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP) ao Projeto de Lei 1876/99 serão desastrosas para a preservação ambiental no Brasil. Além disso, atestam que essas mudanças não são necessárias para melhorar a produtividade da agropecuária brasileira.

Os especialistas participaram do Seminário Código Florestal: Aspectos Jurídicos e Científicos, realizado nesta tarde pela Frente Parlamentar Ambientalista.

Pesquisa Mulheres brasileiras nos espaços público e privado 2010


A pesquisa Mulheres brasileiras e gênero nos espaços público e privado realizada em 2010 pela Fundação Perseu Abramo, por meio de seu Núcleo de Opinião Pública, e em parceria com o SESC, apresenta a evolução do pensamento e do papel das mulheres brasileiras na sociedade. Entre os temas abordados no estudo estão: Percepção de Ser Mulher: Feminismo e Machismo; Divisão Sexual do Trabalho e Tempo Livre; Corpo, Mídia e Sexualidade; Saúde Reprodutiva e Aborto; Violência Doméstica e Democracia, Mulher e Política.

Mulheres são maioria entre jovens fora da escola e do mercado de trabalho


mulher tristeUma parcela da população brasileira entre os 18 e 24 anos do país não estuda e nem trabalha. São cerca de 3,4milhões de jovens que representam 15% dessa faixa etária, apurou a repórter Amanda Cieglinski. Estudo do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) mostra que as mulheres são as mais afetadas por esse problema, muitas vezes em função da maternidade e do casamento. Do total de jovens fora da escola e do mercado de trabalho, 1,2 milhão concluiu o ensino médio, mas não seguiu para o ensino superior e não está empregado.

A rota das armas até o crime


Cerca de 16 milhões de armas de fogo circulam hoje no Brasil, sendo 8,4 milhões legais (52,4%) e 7,6 milhões ilegais (47,6%), segundo dados do Sistema Nacional de Armas (Sinarm) computados até setembro de 2010. Deste total, a sociedade civil detém aproximadamente 14 milhões (87%) e o Estado cerca de 2 milhões (13%). O Brasil é campeão mundial em números absolutos por morte de arma de fogo, com 34.300 homicídios por ano. Vincula-se normalmente o crime com a arma ilegal, mas cerca de 30% das armas apreendidas em situação ilegal foram legalmente compradas. Mais de 80% delas eram brasileiras.

ACNUR lança cartilhas com orientações sobre refúgio no Brasil e direito internacional dos refugiados


O escritório do ACNUR no Brasil lançou a versão em português da publicação "Direito Internacional dos Refugiados: Programa de Ensino", inicialmente publicada em espanhol, e a cartilha "Direitos e Deveres de Solicitantes de Refúgio no Brasil". A primeira revela a posição do ACNUR, mostrando que as atividades de formação e promoção do Direito Internacional dos Refugiados se constituem em instrumentos que fortalecem as capacidades locais de acolhida e proteção dos refugiados, melhorando o entendimento da problemática do deslocamento forçado no mundo.