Uma Ação para Crianças


A ação popular na construção de boas práticas que venham a atender os problemas sociais ganha uma nova força: a Campanha Uma Ação para Crianças. A campanha aproxima grupos de pessoas que mobilizam recursos em suas comunidades a iniciativas voltadas para garantir os direitos de crianças e adolescentes e ainda dobra o recurso arrecadado por esses grupos.

A Campanha é inovadora - vem colaborar com as organizações e entidades sociais na construção de parcerias para a sustentabilidade de suas ações, não apenas repassando recursos, mas incentivando que haja maior envolvimento da comunidade na mobilização de verbas para ações que beneficiem crianças e adolescentes. Qualquer pessoa pode participar, não precisa ser um grupo formal. Basta cadastrar a proposta geração de recurso (rifa, bazar, festa, etc.), que, se aprovada, a Campanha dobra o valor arrecadado e direciona os recursos a um pequeno projeto que beneficie crianças e adolescentes.

O objetivo da Coordenadoria Ecumênica de Serviços (CESE) ao desenvolver a Campanha Uma Ação para Crianças é de contribuir para solucionar problemas locais enfrentados por crianças e adolescentes, assim como fortalecer a rede de defensores dos direitos infanto-juvenis em âmbito nacional.

A proposta é simples e valoriza grupos comprometidos com a infância e a adolescência: grupos formados por igrejas, sindicatos, escolas, associações de bairro, entre outros, desenvolvem uma ação de mobilização para captar recursos que serão destinados para projetos que beneficiem crianças e adolescentes. A CESE dobra o valor arrecadado pela ação de mobilização, que pode ser proveniente de qualquer lugar do Brasil. Os formulários de inscrição da ação e do projeto ficam disponíveis em .

Ao mesmo tempo em que colabora para a sustentabilidade das organizações sociais a Campanha também promove a autonomia da solidariedade, já que estimula que grupos, reconhecidos legalmente ou não, interajam com realidade social e desenvolvam práticas solidárias para resolver problemas sociais que afetam a vida de crianças e adolescentes.

Como funciona a Campanha

1- Ações voltadas para a garantia os direitos da infância e da adolescência podem ser apoiadas mediante a inscrição de um pequeno projeto.

2- Um grupo de pessoas que pretende apoiar uma ação voltada para crianças pode mobilizar recursos junto a sua comunidade, com a promoção de alguma ação de arrecadação.

3- A CESE ajuda a construir a parceria entre ação voltada para crianças e adolescentes e o grupo mobilizador, e dobra o valor arrecadado pela proposta de mobilização.

Um exemplo é a de uma creche que necessita de R$ 6.000,00 para construir duas cisternas de placa. Os alunos da escola municipal organizaram um bazar e captaram R$ 3.000,00. A CESE dobrou o valor e apoiou a creche com R$ 6.000,00.

Histórico da Campanha

Desde que a Campanha foi implementada, em 2007, 4.985 crianças e adolescentes foram beneficiados, direta ou indiretamente, em 10 iniciativas apoiadas pelo Brasil.

A Campanha foi criada a partir da identificação das demandas por superação das iniqüidades sociais no campo da educação, da saúde, da segurança alimentar e nutricional, da distribuição de renda, enfim, em prol da defesa e promoção dos direitos das crianças e adolescentes.

A Campanha pretende contribuir para a consecução das 8 Metas do Milênio da Organização das Nações Unidas (ONU). As Metas do Milênio foram definidas no ano de 2000 por líderes mundiais que convocavam países a reduzir a fome e a pobreza e a priorizar a formulação de políticas públicas de enfrentamento a doenças, desigualdades de gênero, analfabetismo, falta de acesso a água limpa e ameaças ao meio-ambiente. As Metas do Milênio são:

1 - Erradicar a extrema pobreza e a fome.
2 - Atingir o ensino básico universal.
3 - Promover a igualdade de gênero e a autonomia das mulheres.
4 - Reduzir a mortalidade infantil.
5 - Melhorar a saúde materna.
6 - Combater o HIV/AIDS, a malária e outras doenças.
7 - Garantir a sustentabilidade ambiental.
8 - Estabelecer uma parceria mundial para o desenvolvimento.