Você está aqui

Pontos de vista

Nota do Intervozes sobre o III Programa Nacional de Direitos Humanos

O Intervozes - Coletivo Brasil de Comunicação Social manifesta o seu apoio ao III Programa Nacional de Direitos Humanos (PNDH-3), resultado de processo que contou com a participação de milhares de militantes, organizações da sociedade civil e instituições do poder público, em diálogo intenso que durou mais de dois anos e teve seu ápice na XI Conferência Nacional dos Direitos Humanos, realizada em Brasília (DF), em dezembro de 2008.

A hipocrisia sobre o aborto no Brasil e a morte de Neide Mota

"Novas formas discursivas entram em ação e se potencializam. Mídia, setores conservadores da Igreja Católica e de outras religiões dando as mãos, numa aliança “fraterna” e inequívoca, para impedir os avanços da autonomia sexual e reprodutiva, da liberdade e da solidariedade da população brasileira, particularmente  de todas as mulheres".Artigo de Margareth Arilha, Diretora Executiva da CCR.

Agrotóxicos no seu estômago

Por João Pedro Stédile*Os porta-vozes da grande propriedade e das empresas transnacionais são muitobem pagos para todos os dias defender, falar e escrever de que no Brasil nãohá mais problema agrário. Afinal, a grande propriedade está produzindo muitomais e tendo muito lucro. Portanto, o latifúndio não é mais problema para asociedade brasileira. Será? Nem vou abordar a injustiça social daconcentração da propriedade da terra, que faz com que apenas 2%, ou seja, 50mil fazendeiros, sejam donos de metade de toda nossa natureza, enquanto

11 PMLs (Puntos Minimos Legales) para ser un blogger sin mayores roches/problemas

Por Erick Iriarte Ahon*El dia de hoy se celebra el BlogDay, asi que pensando en un aporte para este día, he tratado de recopilar algunos “PMLs” (Puntos Minimos Legales). 1. El principio básico de la blogosfera y de la Sociedad de la Información es el compartir. En este compartir el blog es de los mecanismos mas idóneos. Recuerda que este compartir está signado por la libertad de información y de expresión, y tambien por el irrestricto respeto por los derechos de otros (los mismos que se encuentran  en la Declaración Universal de Derechos Humanos).

Democratizar las comunicaciones sí, pero... ¿sabemos cómo y para qué?

Por Aram Aharonian Se ha puesto de moda hablar de la necesidad de desalambrar los latifundios mediáticos (Viglietti/Aram dixit), de la “necesaria democratización” de la comunicación y de la información y del llamado “terrorismo mediático” (Chomsky dixit). Y muchas veces, todo eso no pasa de consignas o, peor, de lamentos.

Páginas

Theme by Danetsoft and Danang Probo Sayekti inspired by Maksimer